Cronograma capilar: produtos e dicas para restaurar fios danificados ou secos

cronograma capilar (1)

Você já ouviu falar em cronograma capilar? Apesar de ainda não ser tão conhecido quanto outras técnicas de cuidados com os cabelos, o cronograma capilar é um conjunto de procedimentos que pode salvar os seus fios danificados e secos e mantê-los com muito mais força, brilho e maciez. Ou seja, basicamente tudo o que a gente quer para os nossos cabelos, não é mesmo?  

Agora você ficou muito mais interessada nessa história de cronograma capilar, não é mesmo?! Bem, então vamos direto ao assunto!

O que é um cronograma capilar e quais suas etapas

O cronograma capilar é um ciclo que envolve hidratações, nutrições e reconstruções semanais. Cada uma dessas etapas traz benefícios específicos para recuperar e tratar os cabelos.

A hidratação é uma das fases mais conhecidas e é a que nos vem à mente quando pensamos em tratamentos para restaurar cabelos ressecados e sem via. Trata-se de um procedimento que repõe a água e nutrientes que perdemos por expor nossos cabelos a poluição, altas temperaturas dos secadores e modeladores e outros fatores externos.

A segunda etapa do cronograma capilar é a nutrição, que já é bem menos conhecida do que a primeira. A nutrição tem como objetivo repor os lipídios, que são basicamente gordura. A nutrição é indicada principalmente para quem tem fios ressecados e opacos porque, através da reposição dos lipídios, cria uma camada protetora sobre o cabelos, deixando-os mais flexíveis, fortes, macios e brilhantes.

E a terceira e última fase é a reconstrução, que repõe as proteínas responsáveis pela estrutura da fibra capilar, principalmente a queratina. A reconstrução semanal só é realmente necessária no caso de fios muito danificados. Nos outros casos, realizar a reconstrução a cada 15 dias é o suficiente.

Os ativos presentes em um bom cronograma capilar

As máscaras de hidratação geralmente tem alguns ativos importantes sendo que os principais são o D-Pantenol, que é capaz de hidratar os fios por um período mais longo e garantir a maciez e viçosidade dos cabelos, a babosa, que diminui a queda e tem ação antioxidante, e os aminoácidos funcionais, responsáveis por regenerar a fibra capilar e dar força aos cabelos.

A nutrição pode ser feita através da aplicação direta de óleos vegetais, que chamamos de umectação, ou com máscaras específicas para nutrição.

A umectação pode ser feita durante o dia ou a noite. No primeiro caso, basta aplicar o óleo vegetal nos cabelos, deixar agir por 30 minutos e depois lavar normalmente. Na umectação capilar noturna, os cabelos passam a noite banhados pelo óleo e são lavados apenas de manhã.

A aplicação com máscaras de nutrição é bem mais rápida, levando apenas 2 a 5 minutos para agir nos cabelos. Além de óleos vegetais, as máscaras costumam ter manteigas vegetais que também ajudam a equilibrar a oleosidade nos fios.

Em ambos os casos, os principais óleos vegetais para umectação são:

  • Óleo de rícino: ajuda no combate a queda e fortalece os cabelos.
  • Óleo de argan: controla o frizz, retarda o envelhecimento dos fios e restaura a fibra capilar.
  • Óleo de girassol: hidrata, deixa os cabelos com mais brilho e controla o frizz.
  • Óleo de coco: antifúngico e antibactericida, controla a caspa, elimina a aspereza e dá brilho.
  • Óleo de abacate: auxilia na regeneração dos cabelos, deixando os fios mais fortes e brilhantes.
  • Proteína do ovo: antioxidante, reduz pontas duplas e regulariza o crescimento capilar.

Por fim, a reconstrução tem como sua principal base a queratina, um elemento que compõe praticamente 90% da fibra capilar. Ela é tão importante que quando falta queratina, os cabelos tornam-se opacos, finos e extremamente quebradiços.

Além da queratina, a reconstrução pode conter também arginina, proteína que reconstrói os fios de fora para dentro, colágeno, fundamental para manter a forma dos fios e reter a água dentro das cutículas, e cisteína, que age no realinhamento e fortalecimento dos cabelos.

Cronograma capilar: quem pode fazer?

Lisas, cacheadas, crespas, homens e mulheres. Todo mundo pode adotar um cronograma capilar para manter os cabelos hidratados, bem nutridos e com uma estrutura forte e saudável, mas o esquema do cronograma pode ser alterado de acordo com as suas necessidades e com o estado dos seus fios.

Os cabelos cacheados e crespos, que tem tendência a serem mais ressecados, e os que passam por procedimentos químicos frequentemente, como os platinados, são alguns dos que mais precisam de um bom cronograma capilar para se manterem sempre bonitos e saudáveis.

Mas existe uma boa forma de descobrir o que seus cabelos mais precisam: fazer um teste de porosidade.

Para isso, basta encher um recipiente com água e colocar um fio de cabelo. Se ele boiar provavelmente precisa de mais hidratação. Se afundar, a maior necessidade é de reconstrução e se ficar no meio do recipiente, você pode caprichar na nutrição.

Você pode usar um desses quadros dependendo do resultado que tiver no teste de porosidade:

Cronograma capilar - Hidratação Cronograma capilar - Nutrição Cronograma capilar - Reconstrução

Cronograma capilar: quanto tempo fazer e quando percebo os resultados?

Agora que você já sabe tudo sobre cronograma capilar provavelmente está se perguntando por quanto tempo deve fazê-lo e quando os resultados começam a aparecer, não é mesmo?

Bom, a maioria os ciclos são de 4 semanas e para conseguir um efeito bacana é importante seguir cada um dos passos a risca. Pular uma etapa ou deixar, atrasar ou adiantar a rotina pode interferir significativa nos resultados.

A partir do primeiro ciclo do seu cronograma capilar você já pode perceber os resultados, mas isso não significa que precise interromper a rotina. É através da reposição constante de água, nutrientes, lipídios e proteínas que você vai conquistar cabelos muito mais saudáveis e bonitos.

Cronograma capilar: produtos e dicas para restaurar fios danificados ou secos
Avalie esse conteúdo

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa Notícia