Grávida pode pintar o cabelo? Descubra como colorir os fios durante a gravidez

A gestação é um momento singular e de grandes transformações na vida de muitas mulheres, que passam a priorizar, além do próprio bem-estar, o desenvolvimento saudável da criança.

Mais do que mudanças no corpo, uma série de restrições chegam junto com a gravidez, como deixar de lado bebidas alcoólicas, certos medicamentos e procedimentos estéticos.

Em uma fase de cuidados adaptados, as futuras mães costumam ter um grande dilema quando o assunto é coloração capilar: grávida pode pintar o cabelo? Se essa é uma dúvida que não sai da sua cabeça, você está no lugar certo.

Afinal, grávida pode pintar o cabelo?

E a resposta é sim e não. Mas não precisa ficar confusa, vamos explicar: a recomendação dos especialistas é que no primeiro trimestre de gravidez não seja feita nenhuma transformação capilar; após esse período, podem ser usados alguns tipos de produtos que dão cor aos fios, mas sempre com o acompanhamento do obstetra na hora de decidir se vai ou não pintar o cabelo a gravidez.

Grávida pode pintar o cabelo com qual tinta?

Gestantes não devem usar colorações permanentes, pois elas possuem na fórmula ativos que podem ultrapassar a barreira da placenta e entrar em contato com o feto, causando malefícios. Por isso, o mais indicado, é o uso de tonalizantes e tinturas semipermanentes, que possuem uma composição mais leve e são livres de amônia e metais pesados, como chumbo. A Salon Line tem uma grande gama de cores nas linhas de coloração suave e de tonalizantes e, caso você esteja grávida, converse com seu obstetra sobre essas opções.

Gestante pode pintar o cabelo totalmente ou só fazer mechas?

Na fase gestacional, recomenda-se evitar o contato da coloração com a raiz dos fios, reduzindo o risco de absorção do produto pelo organismo. Por isso, mechas, reflexos e luzes são as transformações capilares mais indicadas, já que podem ser feitas afastadas da raiz e até da metade do cabelo para baixo.

Resumindo: quais os cuidados necessários para pintar o cabelo na gravidez?

  • Consultar o obstetra para avaliar individualmente o caso.
  • Pintar o cabelo somente depois do primeiro trimestre.
  • Usar tonalizante ou coloração semipermanente.
  • Evitar o contato da coloração com a raiz do cabelo.
  • Privilegiar luzes e mechas

Siga todas as orientações do seu médico e, qualquer que seja a decisão, você ficará linda!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Horas
minutos
segundos