Dread feminino: principais dicas e cuidados essenciais para quem deseja aderir o visual

Sempre quis apostar no dread feminino, mas ficava com medo de não saber cuidar? Ou então de não conseguir mais tirar? Essas e outras dúvidas vamos responder aqui para você investir no visual de vez e sem neuras. Vamos lá?

Conhecendo o dread feminino

Muito além de um penteado, os dreads surgiram há milhares de anos com as civilizações antigas da África e Índia, envolvendo diversos povos. Dentro dessas culturas, os dreads poderiam representar status social, expressões tribais e até mesmo religiosas. Um exemplo de conexão entre os dreads e a religião é o movimento rastafari, nascido na Jamaica durante a segunda metade do século XX e que tinha como seguidor o famoso cantor e compositor Bob Marley. Por esses e diversos outros motivos o uso dos dreads é extremamente ligado a perpetuação da herança e cultura africana.

Como fazer dread feminino

Há diferentes maneiras de fazer dread feminino. Os modelos com cabelo natural ou também sintético, são realizados com uma agulha de crochet. A agulha é usada para embaraçar os fios em forma de tubo. Para ajudar também é usado um pente de aço e, em alguns casos, cera de abelha. Outra maneira bastante popular é o dread feito com lã. Este trança o cabelo natural junto com fio de lã e, por fim, enrola-se o material ao redor dessa trança.

Dread feminino loiro

Muitas pessoas gostam de apresentar alguns dreads loiros entre os cabelos escuros ou somente deixá-los loiros nas pontas. Há quem também prefira que todos eles fiquem com essa cor. Entretanto, é preciso destacar que somente os dreads feitos com cabelos naturais apresentam a possibilidade de descoloração. Nesse caso, você é possível descolorir o seu próprio cabelo natural com dread ou adicionar mechas de cabelo natural comprado (que não o seu) para deixar o seu dread mais comprido ou grosso, estes também podem ser descoloridos e pintados de loiro. Dreads de fios sintéticos ou de lã não apresentam essa possibilidade.

Dread feminino colorido

Os dreads coloridos podem ser feitos em todos os tipos de dreads, desde os naturais, sintéticos ou até mesmo de lã. Confira abaixo como.

  • Dread colorido de cabelo natural: é preciso descolorir o dread pronto ou os fios soltos antes do procedimento de dredagem. Depois de clareá-los em um tom igual ou superior a 10.0 basta tonalizar da cor que quiser, podendo ser uma cor comum como loiro, castanho claro ou ruivo, por exemplo, ou até mesmo fantasia, como azul, rosa ou verde.
  • Dread colorido de cabelo sintético: os fios sintéticos não podem ser descoloridos e tonalizados, portanto, se você quiser dreads sintéticos coloridos será preciso comprar cabelos sintéticos da cor desejada antes de fazer o dread.
  • Dread colorido de lã: essa é a maneira mais simples, pois basta escolher qualquer cor de lã que você deseja e pedir para o profissional realizar os seus dreads com a cor ou cores escolhidas.

Cuidados e manutenção do dread feminino

  • Manutenção: os dreads de cabelo natural podem receber manutenção a cada três meses ou um ano, entretanto, não podem ser retirados, apenas cortados junto com o cabelo. O mesmo vale para aqueles feitos com cabelo sintético. Já os de lã devem ser feitos novamente a cada três meses.
  • Cuidados: lavar ao menos duas vezes por semana, não aplicar cremes na raiz e secar muito bem antes de dormir ou prender.

2 comentários

  1. Anna Lobato disse:

    Olá! Possuo dreads naturais (feitos com o próprio cabelo) e achei super interessante esse conteúdo da marca. Está tudo bem explicado e tudo que está escrito eu estou em concordância por ter o meu convívio com os dreads.
    Na minha opinião, seria bem bacana se a marca criasse algum produto (de preferência shampoo, pois pessoas que possuem dreads devem evitar condicionador e cremes) que fosse especificamente para pessoas que têm dreads! Hoje em dia temos muitas pessoas que aderiram de colocar os dreads e acredito que iam gostar dessa ideia inovadora da marca!
    Espero que vocês recebam esse comentário como uma ideia inovadora pra marca e pensem nessa possibilidade, pois acredito que daria super certo, traria um conteúdo a mais para a marca e mais pessoas.
    Me disponho a qualquer experimento que a marca quiser fazer, tanto no cabelo quanto nos dreads.

    1. Salon Line disse:

      Anna, ficamos suuuper felizes que goste do conteúdo!
      Agradecemos o feedback, anotaremos suas sugestões com muito carinho em nosso caderninho. Para nós, é super importante a opinião de todas vocês! Beijinhos! ❤❤❤

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa Notícia