5 frescurinhas que eu faço e me sinto bem

Camila Nunes
Manias Camila Nunes

Bom, para começar é até difícil selecionar 5 frescurinhas que me fazem sentir ótima! É que, às vezes, pode ser frescura para mim e não para outras pessoas. Bom, de qualquer forma, vou selecionar aqui aquelas que faço relacionadas a beleza ou até mesmo algum hábito que não vivo sem.

1 – Primeira frescura: quando eu vou arrumar um nécessaire de viagem preciso separar tudo por categorias, ou seja, ter um nécessaire para cada item que vou usar. Separo em produtos de banhos, produtos de maquiagem, acessórios, como pente, escova e pinceis – cada um tem que estar no seu devido lugar.

Leia também: Viajar sozinho: depoimentos, dicas, inspirações e vantagens

3 – Terceira frescura: essa daqui é relacionada a um hábito que eu tenho em casa, que é sempre utilizar os mesmos talheres. Hoje, na minha casa, uso um jogo, mas eu me lembro que na minha mãe eu tinha o meu garfo especial, só comia com aquele e se usasse outro achava estranho.

2 – Segunda frescura: não tenho um perfume favorito, mas, sim, um perfume para cada momento e ocasião. No meu dia a dia eu uso algo mais suave e leve, para uma festa especial ou evento um mais marcante.

Leia também: Hábitos saudáveis: 7 praticas para ter a qualidade de vida

4 – Quarta frescura: também relacionada a um hábito no dia a dia – para ser mais específica na hora de dormir. Me sinto muito bem dormindo ao som de um ventilador, pode estar frio, mas se o ventilador não estiver ligado o som não é o mesmo.

5 – Quinta frescura: para finalizar, tenho uma frescura relacionada a beleza, que envolve o momento que vou tomar banho. Eu tenho um pouco de agonia e nervoso se eu sentir que tem fios de cabelo pelo meu corpo. Se eu não tirar esses cabelinhos eu não me sinto bem – em alguns momentos eu passo mais tempo removendo-os do que lavando o cabelo em si. HHHAHA

Leia também: Dicas para deixar seu banho bem mais divertido e relaxante

Bom essas são algumas frescurinhas que eu faço para me sentir bem. Como eu falei no início, para algumas pessoas pode parecer bobagem, mas para mim faz toda diferença. E a sua, qual é?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa Notícia