Tranças africanas: inspirações, tipos, dicas e cuidados

Mulher com tranças box braids



As tranças africanas, além de lindas e estilosíssimas, carregam uma herança cultural muito valiosa. Isso porque estão estritamente ligadas à história e os costumes das antigas tribos africanas. Nesse cenário, as trancas não eram meramente um penteado, mas expressavam status social e até mesmo de relacionamento.

Após anos de ditadura do cabelo liso, cacheadas e crespas finalmente viram a oportunidade de se libertar e aceitar sua madeixas naturais. Esse movimento levou a uma forte corrente de valorização da cultura afro, dando espaço para a propagação da cultura das tranças.

Tipos de tranças africanas

Quer saber mais sobre os tipos de tranças africanas? Então continue com a gente!

Tranças box braids

Mulher com tranças box braids e touca

Esse tipo de trança tem promove o alongamento dos fios, o que traz um visual todo diferente e ainda por cima é uma ótima ideia para quem está passando pela transição capilar. Isso porque além de ajudar no comprimento, disfarça as duas texturas de cabelo enquanto acontece o processo de crescimento dos fios naturais. A principal característica desse tipo de trança é que o alongamento dos fios no trançado é feito através de material sintético. Os materiais mais usados hoje são o jumbo e o kanekalon.

Tranças nagô

Trança nagô

Já as tranças nagô são nada mais nada menos do que as famosas tranças raiz. Ou seja, o trançado é feito bem rente ao couro cabeludo,na raiz do cabelo. Além disso, elas podem ou não acompanhar comprimento dos fios, podendo ficar apenas na parte de cima, ou seguir trancadas até as pontas. O legal dessa trança é que você pode fazer diversos tipos diferentes de desenhos na raiz, conferindo um estilo diferente a cada vez que você trancar.

Dicas de penteados com tranças africanas

Muitas pessoas veem as tranças como um penteado próprio e por isso acabam achando que só é possível usá-las soltas. Porém, a grande verdade é que existe uma infinidade de penteados possíveis para apostar junto com as tranças. Veja algumas opções lindas, práticas e fáceis de fazer.

Coque simples

Coque comum do dia a dia, basta pegar os cabelos e enrolar no eixo central como se fosse um coque rosquinha. Depois você pode prender usando as próprias tranças ou usar alguns grampos para auxiliar.

Coque com bandana ou turbante

Depois de fazer um coque comum, também dá para incrementar o visual com uma bandana ou turbante. Ou seja, para um evento mais especial, você pode adicionar um desses acessórios. Basta enrolar a bandana ou o turbante em volta do centro do penteado e amarrar na frente.

Coque semipreso

Mulher com trança box braid e um semi coque

Nessa outra versão do coque, basta separar a parte de cima do cabelo trançado e fazer um coque apenas nessa mecha. A parte de baixo fica solta, criando um look moderno e despojado.

Rabo de cavalo alto

Aqui não tem segredo. Bastas pegar as trancas e trazer para o topo central da cabeça. Depois disso é só prender usando as próprias tranças ou um elástico para cabelo que seja resistente e não danifique os fios.

Rabo de cavalo baixo

Mulher com trança box braids e coque baixo

Esse visual é bem elegante e pode entrar para a sua lista de penteados para o ano novo, natal, casamento, formatura ou qualquer outro evento mais especial. Para fazer, basta juntar as tranças na parte de baixo da cabeça, ou seja, na região da nuca e prender com um elástico. Aqui é possível fazer o visual na parte central inferior ou colocá-lo um pouco para o lado, jogando os fios sobre os ombre, promovendo um look super sofisticado.

Rabo de cavalo lateral

Mulher com tranças de lã e rabo de cavalo alto, lateral

O rabo de cavalo lateral é bem moderninho e estiloso. Ele parece com o rabo de cavalo alto, portanto, faça o mesmo processo, porém, prenda na lateral da cabeça.

Penteados com tranças africanas – vídeo

Para conhecer mais penteados divinos usando tranças africanas, assista ao vídeo abaixo!

Cuidados com as tranças africanas

  • Lavar entre e duas vezes por semana usando apenas shampoo;
  • Usar shampoo específico para a limpeza do couro cabeludo e, de preferência, sem sal;
  • Diluir o shampoo na água e usar um borrifador para facilitar a limpeza;
  • Secar muito bem para evitar umidade e proliferação de fungos;
  • Nunca usar condicionador ou máscaras para hidratar: opte por óleos vegetais na raiz;
  • Usar touca de cetim ou seda para dormir, evitando o desmanche das trancas e o aparecimento de frizz;

 

Para outras diquinhas sobre cuidados com as suas tranças africanas confira o vídeo incrível que separamos para vocês!

Tranças africanas – mais inspirações

Mulher com trança raiz e afro puff

Mulher com trança africana estilo boxeadora

Mulher com tranças box braids

Mulher com trança box braid e um semi coque

Mulher com trança nagô e bandana

Mulher com trança nagô

Avalie esse conteúdo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa Notícia