Mitos e verdades sobre a caspa

Sofrendo com a caspa? Saiba que essa descamação do couro cabeludo atinge um grande número de brasileiros – são mais de 2 milhões de casos anuais, segundo o Hospital Hospital Israelita A. Einstein.

Por ser um problema muito comum, as informações sobre a caspa são conhecidas por todo mundo, certo? Errado! Ainda há muitas dúvidas sobre o que causa a caspa ou qual o melhor tratamento para combatê-la. 

Se você quer saber tudo sobre a caspa no cabelo e também não quer cair em fake news, venha conhecer nosso checklist de mitos (✖) e verdades (✔) sobre a caspa!

Caspa é sinônimo de sujeira

(✖) Por mais que a higiene seja imprescindível para a saúde capilar, ela não consegue evitar o aparecimento da caspa, já que esse problema está relacionado ao aumento da oleosidade do couro cabeludo, ou seja, do nível de produção das glândulas sebáceas.

Estresse pode causar caspa

(✔) Um cenário constante de estresse desencadeia um desequilíbrio hormonal no corpo todo, que pode ocasionar o aumento da oleosidade da pele e, consequentemente, do couro cabeludo, contribuindo para o surgimento da caspa.

Prender ou dormir com o cabelo molhada aumenta a caspa

(✔) O cabelo úmido quando preso ou em contato com o travesseiro durante o sono facilita a proliferação de fungos que agravam o quadro da caspa.

Apenas lavar o cabelo acaba com a caspa

(✖) Muitas podem ser as causas da caspa, bem como as soluções para esse problema. Além dos famosos shampoos anticaspa, dependendo da gravidade do quadro, pode ser preciso o uso de medicamentos.

A caspa é mais frequente no inverno

(✔) No período de temperaturas mais baixas, ocorre um aumento natural da ação das glândulas sebáceas que, somado aos banhos mais quentes, estimulam o surgimento e aumento da caspa.

Esfregar fortemente a cabeça na lavagem elimina a caspa

(✖) Na verdade, pode acontecer o efeito inverso. Esfregar o couro cabeludo com força acaba irritando a área, criando um ambiente mais propício para o aparecimento da caspa.

Escova progressiva provoca caspa

(✖) As alisadas com escova progressiva podem ter algum tipo de irritação no couro cabeludo após o procedimento que acaba sendo confundida com a caspa – mas são problemas diferentes.

A caspa é contagiosa

(✖) Por ser uma condição desencadeada por um pré disposição pessoal, junto de outros fatores como estresse e mudança de temperatura, a caspa não pode ser passada de uma pessoa para outra.

Má alimentação contribui para o aparecimento da caspa

(✔) Uma alimentação rica em açúcar, por exemplo, colabora para uma resistência à insulina, o que estimula indiretamente o aumento da oleosidade, levando ao aparecimento da caspa

Vinagre de maçã melhora o quadro da caspa

(✔) O vinagre de maçã é um poderoso anti-inflamatório e antifúngico que auxilia no controle da descamação do couro cabeludo ocasionada pela caspa, além de aliviar os sintomas, como a coceira.

Agora conta para a gente: quantos mitos e verdades você conhecia e contava para os amigos? Refaça seu checklist sobre a caspa e cuide bem do seu couro cabeludo assim como faz com os fios!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Horas
minutos
segundos