Trança nagô: penteados, dicas e cuidados com as tranças

A trança nagô é um verdadeiro sucesso, especialmente, entre cacheadas e crespas. Muito embora este visual seja uma referência à representatividade e à cultura africana, as tranças nagô também podem ser feitas em todos os demais tipos, texturas e curvaturas de cabelo. Para quem atravessa a fase de transição capilar, elas são ótimas aliadas e […]

Trança nagô

A trança nagô é um verdadeiro sucesso, especialmente, entre cacheadas e crespas. Muito embora este visual seja uma referência à representatividade e à cultura africana, as tranças nagô também podem ser feitas em todos os demais tipos, texturas e curvaturas de cabelo. Para quem atravessa a fase de transição capilar, elas são ótimas aliadas e garantem um visual incrível enquanto a raiz sem química cresce.

Gosta do estilo das tranças nagô e quer saber mais? Você está no lugar certo! Confira as dicas que separamos!

Trança nagô: o que é?

A trança nagô é uma técnica de trançado realizada por todo o comprimento do cabelo. Este método tem seu início bem rente à raiz podendo conferir, inclusive, desenhos no couro cabeludo se este for o estilo desejado. A técnica nagô pode ser realizada de duas formas: apenas com os cabelos naturais ou com a adição de fios de fibra sintética, que é o mais buscado.

Trança nagô

Entre as fibras sintéticas mais usadas para dar vida à trança nagô, destacam-se a Kanekalon, a Jumbo e a lã. A Kanekalon é uma fibra japonesa que se assemelha muito ao cabelo natural, pois tem pouco brilho. Vale dizer que ela é mais pesada e mais cara que as demais fibras. A fibra Jumbo é produzida na China e é mais facilmente encontrada no Brasil, com valores mais acessíveis. De todas as opções, as tranças de lã são as que garantem um resultado mais leve aos fios, além de possibilitar uma maior variação de cores.

Trança nagô Trança nagô

Trança nagô: como conquistar o resultado perfeito?

Para que sua trança nagô chegue ao resultado desejado, é muito importante garantir que, antes do trançado, os cabelos estejam completamente saudáveis. Isso porque se os fios estiverem fracos ou danificados, eles sofrerão quebras durante o procedimento. Dessa forma, antes de aderir a este novo visual, submeta as madeixas a um cronograma capilar completo, intercalando tratamentos de hidratação, nutrição/umectação e reconstrução.

Além disso, contar com um profissional especialista em tranças é essencial para chegar a um visual incrível. É importante lembrar que este procedimento é demorado, podendo chegar até a oito horas, dependendo do comprimento desejado.  

Trança nagô

Trança nagô: inspirações de penteados

Uma das vantagens de quem aposta nas tranças nagô é o fato de que este visual possibilita diversos modelos de penteados para diferentes ocasiões. Para o dia a dia, por exemplo, os coques e suas variações são muito bem-vindos, assim como o rabo de cavalo e outras opções mais práticas.

Já quando o assunto são penteados para madrinhas, noivas ou outras ocasiões especiais, é possível apostar em modelos semipresos, preso lateral, com acessórios e opções mais elaboradas e criativas.

Trança nagô Trança nagô

Trança nagô: como cuidar corretamente?

A manutenção da trança nagô é um ponto de atenção. As tranças chegam a durar nos fios até três meses, mas semanalmente os fios precisam de cuidados especiais. A lavagem, por exemplo, deve ser feita apenas uma vez por semana e somente com shampoo diretamente na raiz dos cabelos. O uso de condicionador e outros produtos hidratantes não é recomendado, pois resíduos podem ficar acumulados nos fios.

O processo de secagem deve ser feito com o auxílio de um secador a uma temperatura média e a uma distância segura dos fios. Esse passo é muito importante porque, se as tranças ficarem úmidas, elas podem mofar. Lidar com o frizz será necessário, mas para inibir seu aparecimento, o ideal é dormir com touca de cetim para reduzir o atrito dos fios com o travesseiro.

Trança nagô

Por fim, é válido destacar que profissionais de trançado recomendam a busca de auxílio junto ao salão na hora de retirar as tranças. Se o seu desejo for renovar a composição, os fios precisam ser hidratados e revitalizados antes do novo trançado.

E aí, gostou de saber mais sobre a trança nagô? Agora, você já pode adotar esse visual incrível, basta seguir nossas dicas e arrasar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa Notícia