Corte degradê feminino está ultrapassado? Saiba como manter esse modelo atual

Corte degradê feminino

Com certeza você conhece o corte degradê feminino, não é mesmo? Isso porque no passado ele foi sucesso absoluto entre a mulherada. Hoje ele ainda é um dos cortes femininos mais reproduzidos nos salões de beleza, entretanto, a dúvida que fica é: não estaria esse look mesmo ultrapassado? Conversamos com a hairstylist Marcella Dias do Salão Mega Hairline em São Paulo para responder isso para a gente e contar quais as melhores maneiras de inovar esse modelo!

Como é feito o corte degradê feminino?

A Marcella explicou para a gente que o degradê feito há alguns anos atrás já não é mais o mesmo do modelo realizado hoje. O corte passou por renovações e agora está repaginado e mais moderno, para acompanhar as tendências e, claro, o novo perfil das mulheres: “Hoje o corte feminino degradê é feito de formas diferentes. Antigamente tinha muitas camadas que vinham a partir do pescoço até o final do cabelo. Atualmente, esse degradê é feito de forma mais sutil. Ou seja, ele é feito mais na parte das pontas, em torno de um palmo delas, para dar aquele movimento gradual nos fios, e não ficar tão acentuado como antes que era aquela coisa quase como um pigmaleão”, explicou a profissional.

Veja os benefícios do corte de cabelo

Leveza, naturalidade, textura, volume, movimento e balanço. Esses são alguns dos benefícios que o corte degradê feminino traz para o visual. Veja abaixo como é que essas vantagens funcionam para cada comprimento de cabelo.

Corte degradê feminino curto e médio

Corte degradê curto e médio

Segundo a profissional, o corte degradê se trata de um modelo bastante versátil, portanto, pode ser feito desde os mais curtos como o chanel repicado, até os medianos e longos. Cada um deles recebe uma técnica diferente para trabalhar o look: “O famoso long bob, por exemplo, que é aquele modelo curto a médio, recebe o degradê nas pontinhas que dá mais textura para o fio. Quando o cabelo já é naturalmente ondulado, o corte ajuda a dar ainda mais volume para os fios”. Ou seja é uma boa pedida para quem tem madeixas mais murchinhas.

Para os fios na altura média, a técnica começa um pouquinho mais acima: “Ele é feito há cerca de um palmo a um palmo e meio das pontas, acentuando a região, bem naquele estilo de camadinhas, para dar um pouco mais de movimento e retirar o volume excessivo”, pontuou.

Corte degradê feminino longo

Corte degradê longo

E chegou a vez dos fios longos, afinal, eles não podem ficar de fora desse visual que não é novidade, mas é puro arraso! “Para dar aquele balanço e deixar o cabelo comprido com um pouco mais de ondulação, os cortes em degradê ajudam as pontinhas a ficarem levemente onduladas. É claro que se o cabelo tiver algum tipo de progressiva ou alisamento esse efeito não se manifesta, a menos que a pessoa lave o cabelo, seque com o secador e, com o cabelo ainda quente, faça um coque, acentuando esse movimento nas pontas que fica maravilhoso”, afirmou a expert.

Combine o corte de cabelo degradê com diversas cores, luzes ou mechas

Além dos efeitos incríveis que o corte degradê feminino trás por sí só, há também maneiras de acentuar esses aspectos. Segundo a hairstylist, optar por luzes ou mechas nas pontas dá ainda mais a sensação de movimento para o corte, além, é claro, de iluminar o visual de maneira sutil e elegante. As cores que podem ser usadas são várias, desde o loiro claríssimo, até os tons de cobre e dourado, todos ficam incríveis.

cabelo degradê

Passo a passo do corte de cabelo degradê feminino

É difícil indicar algum tipo de passo a passo do corte degradê feminino, pois, o ideal é que seja feito com um bom profissional, porém, a Marcella explicou para a gente mais ou menos como funciona: “Existe a forma feita pelo profissional, em que o cabelo é dividido e o procedimento realizado mecha a mecha, como se fosse a divisão chamada “pivot”, feita em fatias para poder alcançar o degradê perfeito”, esclareceu. Ela também ensinou uma maneira mais simples do corte que pode ser feita em casa: “Direcione o cabelo todo para frente, na altura do queixo, prenda com um elástico e corte apenas dois dedinhos das pontas. Quando você soltar, o cabelo já desce todo em camadinhas”. Além disso, ela ainda deu um alerta quanto ao procedimento feito em casa: “Esse rabo de cabelo feito para você cortar o cabelo, quanto mais posicionado para cima da cabeça, mais repicado. E quanto mais direcionado para frente ou para baixo, menor a quantidade de degradê”, concluiu a especialista.

É bom lembrar que ao fazer em casa você não conta com o conforto de confiar no trabalho de quem entende do assunto, por isso, a sugestão é sempre procurar um cabeleireiro qualificado.

Agora que ficou comprovado que o corte degradê feminino ainda é de arrasar, que tal experimentar esse novo visual, hein!?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa Notícia