Escurecer o cabelo: 5 coisas que podem acontecer e você talvez não saiba

Escurecer o cabelo

Quem nunca pensou em escurecer o cabelo, não é verdade!? Afinal, todo mundo, pelo menos alguma vez, já quis mudar de visual, seja uma mudança mais ou menos radical. Por isso hoje listamos 5 coisas curiosas que podem acontecer com você ao escurecer o cabelo e você nem sabe. Dá uma olhadinha!

1. Ele vai parecer mais brilhante.

Como os fios escuros refletem mais a luz, você pode perceber que ao escurecer as madeixas, elas ficarão com um efeito mais brilhante do que de costume. Especialmente se você usou fios claros por muito tempo antes disso. Além disso, a coloração adiciona pigmentos ao seu fio, deixando a cutícula da fibra mais fechada e, consequentemente, promovendo mais brilho. Totalmente diferente do clareamento que abre as cutículas dos fio, fazendo com que o aspecto seja de um cabelo mais opaco.

Leia também: Como clarear o cabelo: 5 técnicas que você precisa conhecer

2. Também pode dar a impressão de mais ou menos danificado.

Enquanto muitas pessoas relatam sentir os fios muito mais saudáveis depois de escurecer o cabelo, devido aos pontos que mencionamos no tópico anterior, não são todas que têm a mesma opinião. Há também quem diga que o cabelo fica mais danificado, mas isso depende do tipo de fio e das condições em que eles se encontram. Por exemplo, se uma pessoa que tem fios claros saudáveis se submete a uma coloração para escurecê-lo, com certeza vai sentir sua cabeleira mais danificada do que antes. Afinal, mesmo a coloração sendo um procedimento químico menos agressivo do que uma descoloração, por exemplo, ela não deixa de causar certo danos ao fio, o que é normal. Por outro lado, alguém que descolore os fios há muito tempo e já está com a fibra bem fragilizada, possui maior probabilidade de sentir o cabelo mais sedoso e brilhante depois de escurecer, devido aos motivos citados no começo.

Leia também: Descolorir cabelo: dicas e passo a passo

3. Talvez seja difícil clarear novamente.

Para sair de cores escuras e voltar para tons mais claros é preciso passar por procedimentos que nem sempre são fáceis. Um deles é a descoloração, é claro, que além de danificar as madeixas, nem sempre consegue clarear no ponto certo cabelos muito escuros. Produtos de decapagem também podem ser usados, porém, será preciso mais de uma aplicação, com certeza. É necessário ter paciência e tratar os fios direitinho, antes e depois do processo.

4. Vai precisar de cuidados especiais, sim!

Todos os tipos de fios precisam de cuidados especiais, não apenas loiros e ruivos, por exemplo. Os fios escuros também precisam de tratamento de hidratação, nutrição e reconstrução. Além disso, será necessário optar por um shampoo que não faça a coloração desbotar tão rápido. Nesse caso, invista naqueles sem sal na composição, como o Shampoo Maria Natureza Óleos Milenares, que além de tudo também recupera profundamente fios danificados. Outra coisa para ficar de olho é a ação do sol, que também desbota fios escuros, portanto, não esqueça de investir em um leave-in com proteção UV na composição.

Leia também: Leave-in: o que é, como usar, quando usar e qual usar

5. Às vezes demora até você se acostumar com o resultado.

Quem foi loira por muito tempo pode encontrar dificuldades em se acostumar com o novo look, mas não se preocupe, se trata de uma reação muito comum e geralmente é temporária. Isso acontece porque você está acostumada com a cor do seu cabelo mais claro que interage de uma determinada maneira em relação às características do seu rosto. Com os fios escuros essas características também podem parecer bem diferentes, portanto, é preciso um tempinho até que sua perspectiva se normalize. Tenha um pouquinho de paciência antes de se desesperar e mudar de visual de novo muito rapidamente, isso pode danificar os seus fios.

Escurecer o cabelo pode ser uma aventura, mas sempre vale a pena investir no novo, não é mesmo!? Só se vive uma vez!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa Notícia